Oséias 10

1 Israel era como videira viçosa;
Cobria-se de frutos.
Quanto mais produzia,
Mais altares construía;
Quanto mais sua terra prosperava,
Mais enfeitava
Suas colunas sagradas.

2 O coração deles é enganoso,
E agora devem carregar sua culpa.
O Senhor demolirá os seus altares
E destruirá suas colunas sagradas.

3 Então eles dirão:
“Não temos nenhum rei porque
Não reverenciamos o Senhor.
Mas, mesmo que tivéssemos um rei,
O que ele poderia fazer por nós?”

4 Eles fazem muitas promessas,
Fazem juramentos e acordos falsos;
Por isso brotam as demandas
Como ervas venenosas
Num campo arado.

5 O povo que mora em Samaria
Teme pelo ídolo em forma de bezerro
De Bete-Áven.
Seu povo pranteará por ele,
Como também
Os seus sacerdotes idólatras,
Que se regozijavam
Por seu esplendor;
Porque foi tirado deles
E levado para o exílio.

6 Sim, até ele será levado para a Assíria
Como tributo para o grande rei.
Efraim sofrerá humilhação;
E Israel será envergonhado
Por causa do seu ídolo de madeira.

7 Samaria e seu rei serão arrastados
Como um graveto nas águas.

8 Os altares da impiedade,
Que foram os pecados de Israel,
Serão destruídos.
Espinhos e ervas daninhas crescerão
E cobrirão os seus altares.
Então eles dirão aos montes:
“Cubram-nos!”,
E às colinas:
“Caiam sobre nós!”

9 “Desde os dias de Gibeá,
Você pecou, ó Israel,
E permaneceu assim.
Acaso a guerra não os alcançou
Em Gibeá por causa
Dos malfeitores?

10 Quando eu quiser, eu os castigarei;
nações serão reunidas contra eles
para prendê-los
por causa do seu duplo pecado.

11 Efraim era bezerra treinada,
Gostava muito de trilhar;
Por isso colocarei
O jugo sobre o seu belo pescoço.
Conduzirei Efraim,
Judá terá que arar,
E Jacó fará sulcos no solo.

12 Semeiem a retidão para si,
Colham o fruto da lealdade
E façam sulcos no seu solo não arado;
Pois é hora de buscar o Senhor,
Até que ele venha
E faça chover justiça sobre vocês.

13 Mas vocês plantaram a impiedade,
Colheram o mal
E comeram o fruto do engano.
Visto que vocês têm confiado
Na sua própria força
E nos seus muitos guerreiros,

14 O fragor da batalha se levantará
Contra vocês,
De maneira que todas as suas fortalezas
Serão devastadas,
Como Salmã devastou Bete-Arbel
No dia da batalha,
Quando mães foram pisadas
E estraçalhadas
Junto com seus filhos.

15 Assim acontecerá com você, ó Betel,
Porque a sua impiedade é grande.
Quando amanhecer aquele dia,
O rei de Israel
Será completamente destruído.